Rede do Conhecimento tem pílulas sobre libras para associados às Apcefs

Por Carolina Marçal
Sociocultural
10 de maio de 2022

Ainda tão pouco conhecida e estereotipada, a Língua Brasileira de Sinais é tema de uma série de pílulas no site da plataforma. São dicas sobre o que é e como funciona a comunicação gestual-visual

Você sabe o que é Libras? Não?! Então confira a mais nova série de pílulas da Rede do Conhecimento, plataforma de educação da Fenae e das Apcefs, com dicas rápidas sobre o que é, como surgiu e como funciona a Língua Brasileira de Sinais.

As pílulas sobre Libras já estão no ar na Rede do Conhecimento. Essa comunicação por gestos, expressões faciais e corporais é utilizada pela comunidade surda. Desde 24 de abril de 2002, através da lei nº 10.436, a Libras atua como uma importante ferramenta de inclusão social.

Para dicas sobre o uso e a regulamentação da língua na modalidade gestual-visual, basta assistir aos vídeos do professor Lucas Grando, filho de pais surdos e intérprete na empresa Quero Libras, que aplica treinamentos e workshops em língua de sinais. Foi com os pais, aliás, que Lucas aprendeu a língua de sinais. 

Os empregados ativos, aposentados e pensionistas da Caixa Econômica Federal, que são associados a uma das 27 Associações do Pessoal do banco público (Apcefs) de todo o país, têm a chance de se aprofundar no tema, com acesso a fatos e curiosidades a respeito da Língua Brasileira de Sinais. Também são dadas informações sobre os surdos, além de algumas frases e palavras que a comunidade pode aprender usando os sinais. 

Ao todo são 10 pílulas, com temática variada e abrangente. Eis o conteúdo dos vídeos: o que é Libras; surdo, mudo ou deficiente auditivo; surdos sabem português; dia a dia dos surdos; atendendo surdos; surdos e a educação; surdos e o mercado de trabalho; recursos assistidos; alfabeto e acessibilidade e ciclo de invisibilidade.

Nesse conjunto de pílulas, é possível saber mais sobre como os surdos no Brasil afirmam a busca pelo direito do indivíduo surdo ser diferente nas questões sociais, políticas e econômicas que envolvem o mundo do trabalho, da saúde, da educação, do bem-estar social.

Um espaço de luta pelo reconhecimento da Libras e das identidades surdas reflete-se no Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais, comemorado em 24 de abril. Desde 2002 a data marca o momento em que a Libras foi reconhecida e regulamentada por legislação.

Para maiores informações sobre o tema, acesse a Rede do Conhecimento e confira as pílulas sobre os direitos da comunidade surda.     

Informações retiradas na íntegra do site da FENAE

Compartilhe
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter

Cadastre-se para receber todas as notícias da APCEF/MG:
Captcha obrigatório
Ocorreu um erro, atualize a página e tente novamente.
Cadastro realizado com sucesso, em breve receberá todas as notícias da APCEF/MG em seu e-mail!
Campo obrigatório.