Sindicato dos Bancários de BH e demais entidades realizam manifestação contra assédio moral e sexual

Por Carolina Marçal
Institucional
6 de julho de 2022

Nesta terça-feira (05/07), durante o período da manhã, funcionários do Sindicato dos Bancários, Fenae e outras instituições participaram de um protesto na frente da agência Carmo Sion, no centro da capital mineira, em prol do Dia Nacional da Luta contra o Assédio Moral e Sexual.

O ato, organizado pelo próprio Sindicato, contou com a presença de Ramon Peres, presidente da entidade; Paulo Roberto Damasceno, presidente da APCEF/MG; Nery Gomes, diretor sociocultural da APCEF/MG e também diretor do Sindicato; Umberto Gil Alcon, diretor de saúde e relações do trabalho da APCEF/MG; Bianca Lourenço, diretora do Sindicato e conselheira da APCEF/MG; Clotário Cardoso, diretor de administração e finanças da Fenae; além de representantes da CUT, Fetrafi e de outros bancos, como Santander e Banco do Brasil.

Por volta das 11h30, os manifestantes promoveram um tuitaço com a #Bastadeassedio, como uma forma de estender o que acontecia no local e dar a oportunidade de funcionários da Caixa e apoiadores da causa de se manifestarem. A ação ficou entre os assuntos mais comentados do país no Twitter.

O principal alvo do ato foi o ex-presidente da Caixa, Pedro Guimarães, que recentemente pediu demissão do cargo devido às denúncias de abusos sexuais contra funcionárias do banco. Outra personalidade política que também foi bastante criticada foi o presidente da República, Jair Bolsonaro, a quem Pedro era estritamente fiel. Mas, apesar das críticas voltadas a ele, Bianca Lourenço, diretora do Sindicato e conselheira da APCEF/MG, afirmou que a manifestação não é uma luta entre esquerda e direita. Inclusive, ela foi questionada sobre isso por uma moradora de BH.

“A resposta que eu dei pra ela foi que sim, nós estaríamos aqui independente se o governo fosse do Lula ou do Bolsonaro, porque isso não é um ato político pró-Lula ou contra o Bolsonaro. É um ato pró mulheres, é a favor das mulheres. Acho que nesse momento a gente não deve ficar pensando em lado de Lula ou lado de Bolsonaro, tem que pensar no lado da trabalhadora, tem que pensar no lado da mulher, da bancária, da mãe, da dona de casa, de todas as mulheres que sofrem violência todos os dias. O Lula vencendo as eleições de 2022 ou não, essas questões vão continuar, porque o machismo é um problema estrutural na nossa sociedade e nós temos que combatê-lo”, enfatizou a bancária.

Bianca também falou sobre de que forma a essa luta a representava como mulher. “Essa manifestação representa pra mim a voz de todas as mulheres, a voz de todas as bancárias da Caixa Econômica Federal e do país que sofrem assédio diariamente. Ainda é um absurdo que em 2022 a gente ainda tenha que vir fazer esse tipo de manifestação, porque homens duvidam da nossa voz, duvidam da nossa capacidade, duvidam de tudo que a gente fala. Nos colocam como inferior a eles o tempo inteiro. Então, isso representa um avanço no governo que quer o tempo todo nos silenciar, nos calar e nos matar”, reforça.

Durante a manifestação, diversas figuras do mundo bancário e do sindicato foram ouvidas no centro de Belo Horizonte. Além de Bianca Lourenço e Ramon Peres, do Sindicato dos Bancários, discursaram na frente da agência Cardoso, da Fenae; Denise, representante da CUT; Luciana Bageno, diretora do Banco do Brasil; Carolina Gramiscelli, funcionário do Santander e Adriana Souza, do SindeRede. Cada um destacou fortemente sobre questões políticas e sociais de pontos de vistas diferentes. Porém, a ideia de lutar por um país melhor, sem desigualdade de gêneros e o repúdio às acusações contra Pedro Guimarães seguiram unânimes!

Departamento de Comunicação da APCEF/MG

Compartilhe
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter

Cadastre-se para receber todas as notícias da APCEF/MG:
Captcha obrigatório
Ocorreu um erro, atualize a página e tente novamente.
Cadastro realizado com sucesso, em breve receberá todas as notícias da APCEF/MG em seu e-mail!
Campo obrigatório.